Í n d i c e

Çopyright
pensamento, crítica e criação

81

13 Out. 2000

http://www.udc.es/dep/lx/cac/sopirrait/

Corunha
Galiza

   

------------------------

Pronome de insolidariedade (relato quase)

Sílvia Capom
 

     21:30. Sábado e Antela chega à noitinha. Nove horas de pé cobrando no súper selam a dor das suas pernas magoadas. Tem a memória semeada de rostos que procuram rapidez e eficácia. Mulheres com óculos de sol ocultando a noite que levam dentro. Velhos que procuram umha moça a quem falar. Moços que dialogam com garrafas J&B. Rostos e palavras que se repitem incessantes.

    22:00. Cozinha para a ceia dous filetes com salada. Dous pratos, dous copos, umha jarra de água. Duas chávenas com leite e algumhas torradas.

    23:00. Elimina as pegadas da vida na casa: a vassoura, o esparto, a baeta, a roupa, repitem-se como as faces das pessoas.

    24:00. Senta, agotada, no sofá da sala. Umha voz chega do fundo da alcova:

    --Amor, limpei-CHE o banho e passei a fregona. Vem-te deitar, que te espero na cama.

-------------------------------------------------

<< Çopyright 80:
Vozes, Ana Gabriela

Índice

Çopyright 82 >>
Seis poemas de PAN,
Estíbaliz Espinosa

Colaboradoræs